Relações Institucionais

 

Notícias

Equipe do Funssol trabalha no desenvolvimento de novos projetos

  • Publicação: 11/03/2021 11:15h
  • Redator(es): Alyne Cervo
  • Release N.º: 237

Foto

Foto: Divulgação

O Fundo Social de Solidariedade (Funssol), mesmo no decorrer da pandemia, continua trabalhando e criando novos projetos sociais pensando no retorno das atividades de forma presencial, no Espaço Cidadania, assim que houver a autorização dos órgãos competentes. O objetivo é se renovar nesse período em que as aulas presenciais não são permitidas, a fim de levar conhecimento e cursos mais completos e com baixo valor para os alunos.

O projeto Transformando é uma das novidades que está em desenvolvimento pela equipe. A presidente do Funssol, Maria das Graças Araújo Massimo, fala sobre sua expectativa com o projeto. “Eu recebo esse projeto com muita alegria, pois através dele o Fundo Social pensa na reutilização dos tecidos que seriam descartados no meio ambiente, busca novos parceiros e, posteriormente, vai ajudar mulheres a garantir uma renda extra na família, aprendendo a confeccionar peças de muito bom gosto e com o custo praticamente zero”, explicou.

Criado através de uma parceria com a empresa Têxtil Macias, por meio do proprietário Roberto Macias, o projeto será encabeçado pela professora Edileny Gomes, do Fundo Social. Após a retomada das aulas a professora ensinará técnicas para combinar tamanhos, cores e auxiliar as alunas em todas as etapas do processo criação dessas peças, em conjunto, com a artista plástica Juliana Kataguiri, que é voluntária e dá forma as peças com o intuito de transformar sobras de tecidos em acessórios. “Como a quantidade de retalhos doados está bem acima da nossa capacidade de uso nos cursos, estamos elaborando um projeto de capacitação em parceria com instituições sociais de monitores e multiplicadores que tenham interesse em trabalhar com esse material. Nós já temos algumas peças pilotos que poderão futuramente serem adicionadas a esse projeto, mas ainda está em adaptação para os novos cursos”, comentou a professora.

O foco deste projeto é ajudar os munícipes a terem habilidades manuais que tragam lucro e ajude na renda familiar. “Os cursos são oferecidos para a população em geral, mas o foco principal é geração de renda. Visto que os cursos do projeto Tesoura Encantada são voltados para a capacitação de pessoas que tenham interesse de se inserir no segmento de mercado de trabalho artesanal. Os cursos são para pessoas que querem iniciar no aprendizado das técnicas de costura, no manejo de máquinas de costuras e materiais de costura. Também para o aperfeiçoamento das técnicas e da continuidade dessa prática artesanal, desenvolvendo as habilidades criativas no melhor aproveitamento da matéria prima, na criatividade da elaboração de peças renovadoras e vendáveis, conhecimento e manejo de ferramentas e nos aviamentos específicos que vão facilitar o trabalho”, é o que esclarece Edileny.

A partir da doação de tiras de tecido que, por algum motivo, foram rejeitadas no mercado consumidor, o Fundo Social distribui o material aos projetos sociais como o curso de corte e costura, patchwork e os novos projetos que o Funssol receberá ainda neste ano. Após o recebimento, as matérias primas passam por uma triagem para que seja evitado o desperdício com o objetivo de criar o máximo de peças possíveis.


Notícias relacionadas

Av. Eng. Fábio Roberto Barnabé, 2800 - M.D. - CEP: 13331-900
Telefones: (19)3834-9000 / 0800-770-7702

© Prefeitura Municipal de Indaiatuba